quarta-feira, 2 de maio de 2012

02.05.2012 – Desvendando o lenço umedecido.

Pra quem achou que um simples pedaço de lenço umedecido tinha apenas a função de limpar bumbuns macios de bebês cheios de xixi e cocô, se enganou. Luna descobriu que aquele tecido branco pode limpar o mundo!
E ela está viciada nisso! Não lembro como começou, nem quem a ensinou, mas de umas boas semanas pra cá eu não consigo trocar uma bendita fralda sem dar um pedaço do tecidinho molhadinho pra ela. No momento que ela visualiza o pacote, começa com uma manha enlouquecida, esticando os bracinhos pra cima e fazendo com as mãozinhas o movimento de pegar. E a expressão? Parece o Gato de Botas, com o cenho franzido; e só sossega quando sente nas mãos aquele geladinho do lenço.
A primeira coisa que ela faz? Limpa-se toda, começa sempre pelo pescoço, aí vai pro rosto, desce pra barriga, periquita, perna, pé. Quando a troca é feita no seu quarto, limpa a parede toda que fica encostada no trocador, e depois volta pra limpar o rosto. E resolve que quer limpar a gente, de qualquer maneira; não pára enquanto não aproximo meu rosto de sua mão e ela, com a delicadeza de um javali, me estapeia carinhosamente com o lenço.
Até aí, tudo bem. A grande questão é quanto ela resolve ficar com aquele pedaço de lenço – já não muito limpo - mesmo depois de estar trocadinha e limpinha. Geralmente a gente vai pra sala brincar e ela começa a limpar o chão, o sofá, a escada e volta a passar o negócio na barriga, mesmo com a roupa por cima. A gente acha engraçado, porque ela não pára, às vezes deita no chão e fica lá, passando o lenço no piso, toda concentrada.
Quando estou ali junto com ela, espero o momento certo para distraí-la e tiro o lenço de seu alcance; mas às vezes estou ocupada com alguma outra coisa e deixo a pequena fazendo meu trabalho limpando a casa com sua brincadeira “higiênica” e acabo chegando tarde demais: aquele inocente pedaço de lenço umedecido deixou de ser branco e ficou preto.
Não que minha casa precise de mais limpeza – mas se alguém quiser aumentar a freqüência das idas da faxineira, eu agradeço – é que eu acho que Luna ficou especialista no assunto e anda detalhista com os cantinhos.

5 comentários:

  1. Hahahaha adorei "anda detalhista com os cantinhos" foi muito boa!
    Rebeca passou por uma fase parecida nessa epoca mas passou rapido. Aqui ela não se ligou muito nesse negocio de limpeza apesar de não gostar muito de se sentir suja. Não não, a fase que commeçou na idade da Luna e persiste até hoje é a do espelho: ama trocar de roupa e ir ficar fazendo caras e bocas na frente dele.
    E a Luna, gosta de um espelho também?
    bjs
    Di

    ResponderExcluir
  2. Minha Marina parou com esse "vício" aos 3 anos :-) portanto, paciência kkkkkkkk

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. "com a delicadeza de um javali"... morri de rii!!
    aqui em casa tem uma mais ou menos igual também, só que o negocio da Elisa é o algodão, ela esfrega ele no nariz deita e rola de um lado pro outro, mais chega uma hora que ela cansa e me dá o pedaço preto de algodão!! A Luna é uma fofa, me identifico muito com seus post pois acho que elas( Elisa e Luna) tem um ou dois meses de diferença!!
    Aahh mudei meu blog, perdi a senha do outro( não sei como) e não consegui mais entrar, ai fez esse novo aqui!!! um beijooo

    ResponderExcluir
  5. Isso sem contar aquele momento em que depois de tuuuuudo isso eles resolvem sorver todo o líquido preto para dentro de seus corpinhos. Vc foi discreta ao não falar sobre isso.
    Mas realmente, delicadeza de javali, é de morrer de rir.
    Saudd

    ResponderExcluir